PROFISSÕES E PEDRAS_post blog

O anel de formatura surgiu na West Point, academia militar tradicional dos Estados Unidos, em 1835. Um grupo de alunos teve a ideia de marcar a passagem deles pela escola, e também identificar de qual turma eles faziam parte. Dessa maneira, o anel foi criado para indicar um rito de passagem. Após essa turma, a escola institucionalizou o anel de formatura, tornando-se uma tradição.

No Brasil, o anel se tornou um presente tradicional dados pelos pais aos formandos. Ele tem um formato padrão, com o emblema da área do formando de um lado e no centro tem uma pedra. A cor dessa pedra simboliza a profissão. Não existe uma única explicação para essa relação entre as pedras e as profissões, mas todas estão relacionadas ao modo que o Ocidente lê o significado das pedras preciosas.PROFISSÕES E PEDRAS_post blogOs anéis de formatura representam uma gama de sentimentos e emoções. Na colação de grau, o anel marca a consagração de uma etapa, o desafio superado, a realização de um sonho e a representatividade da profissão.

Uma joia com tanto simbolismo requer em sua fabricação os metais mais nobres. Assim, os melhores anéis de formatura são confeccionados em ouro 18K e cravejados com diamantes.

Você sabe qual o símbolo e a pedra da sua área? Clique na imagem e confira!PROFISSÕES E PEDRAS_post blog

Quer saber mais sobre o assunto? Leia também:

O que você precisa saber na hora de escolher o anel de formatura

Por que comprar um anel de formatura?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *